segunda-feira, março 24, 2014

Chegou a hora das musas de peso brilharem

Atrizes gordinhas ganham espaço em novelas, rompem padrões de beleza e lançam o Movimento Gordelícias.

Foi-se o tempo em que as atrizes de TV precisavam ser magras, altas e loiras para conseguirem um papel de destaque nas novelas. Hoje em dia, a teledramaturgia reviu alguns de seus padrões de beleza e passou a dar mais espaço a perfis que antes eram praticamente inexistentes, como as atrizes gordinhas. Nas novelas “Joia Rara” e “Além de Horizonte”, da TV Globo, é possível conferir bom exemplos desta mudança.

Na trama das 18h, Simone Gutierrez e Cacau Protásio vivem, respectivamente, Serena Fox e Lindinha. A personagem de Gutierrez é uma das vedetes do Cabaré Pacheco Leão. “Serena é uma personagem muito popular e carismática. As pessoas se identificam com o fato de ela não estar dentro dos padrões impostos pela sociedade”, comenta a atriz.

Já a personagem vivida por Protásio é a encantadora Lindinha, moradora do cortiço, e funcionária da fundição Hauser. “Todos na rua falam bem da novela. Só falam que a Lindinha é um ‘brucutu’ com o namorado e dizem que ela tem de ficar mais doce”, ri a atriz.

Em “Além do Horizonte”, Mariana Xavier rouba a cena na pele da preguiçosa Ana Rita. “Estou muito feliz, sou apaixonada pela personagem. Caí na melhor novela”, elogia.

Além do sucesso na televisão, as atrizes causaram um alvoroço nas redes sociais, no mês passado, ao posarem de maiô e biquíni e lançarem o Movimento Gordelícias, em defesa da autoestima e da valorização do próprio corpo. Talentosas e cheias de atitude, as atrizes provam que as gordinhas chegaram para ficar e já conquistaram a televisão e o público.


Por Danilo Dainezi / Especial para o Diário
Fonte: http://www.diariosp.com.br/noticia/detalhe/65967/Chegou+a+hora+das+musas+de+peso+brilharem

quinta-feira, março 20, 2014

Ensaio Sensual Jéssica Veronese

Jéssica Veronese Cardoso de Azevedo foi eleita Miss Gordinha do Brasil 2013 
(MPSBV Oficial)
Fotos de Priscilla Lemos





sábado, março 15, 2014

Beleza GG: chave da autoestima é a confiança

Elas não precisaram se render ao padrão estético ditado atualmente para serem felizes. Elas são lindas e sabem disso. Gostam de se cuidar, têm prazer em se arrumar e sair com amigos, enfim, são felizes sem sofrer almejando um corpo magro. A aceitação da própria realidade, sem tentar ser o que não é, é um os segredos para manter a autoestima elevada, como afirmam algumas gordinhas de bem com o espelho.

"A partir do momento que você se aceita, você para de se comparar com figuras inalcançáveis", afirma a advogada Carla de Arantes, 25, que sempre foi gordinha e hoje é também modelo plus size (tamanho grande) de uma agência de Presidente Prudente. Ela pisou na passarela pela primeira vez neste ano; desfilou para cinco marcas no Fashion Weekend Plus Size, que aconteceu em São Paulo na última semana de fevereiro.

 A advogada conta que sempre ouviu comentários positivos sobre sua aparência, mas só deu ouvidos realmente quando entendeu que existem diferentes tipos de beleza. E foi então que, com a autoestima lá em cima, contratou um fotógrafo para fazer um book, procurou uma agência e deu andamento também à carreira no mundo da moda.

 "A beleza vem em todos os tamanhos e formas, eu só precisei entender a minha. Eu me achava bonita, mas meio que tinha vergonha disso; então, me libertei do encaixotamento da beleza. Hoje me acho linda e transbordante", complementa.

 Carla conta que sempre foi gordinha, exceto por um período na adolescência, quando chegou a perder 20 quilos, recuperando-os depois. Vaidosa desde criança, ela está sempre com os cabelos impecáveis, usa maquiagem e roupas bonitas; mas a modelo e advogada não cuida apenas da aparência e afirma estar sempre de olho na saúde. Faz reeducação para melhorar a alimentação e exames com frequência, para monitorar se vai tudo bem.

Sobre as mulheres que acabam se rendendo aos "padrões" estéticos, em busca do que se diz ser o corpo perfeito, Carla afirma: "Serão eternamente infelizes. A pessoa vai passar a vida odiando o próprio corpo? Pra quê? Ou então vai deixar de aproveitar uma boa taça de vinho por conta das calorias, ou a companhia das pessoas amadas por uma corridinha no domingo? A felicidade vai muito além do corpo perfeito".

Fonte original (Aqui): http://www.folhadaregiao.com.br/Materia.php?id=325699

Nova campanha pede que a Disney crie princesas plus size

O designer Edull decidiu ilustrar as princesas da Disney como se elas fossem plus size para mostrar que não é necessário seguir um padrão de beleza.

Cheias de graça, beleza, romance e um final feliz. Sabe o que mais as princesas dos contos de fadas da Disney têm em comum? Uma cintura fina.

Contra esse tipo de corpo que é, praticamente, um padrão de beleza desse tipo de personagens, a adolescente norte-americana Jewel Moore criou um abaixo-assinado pedindo ao estúdio que crie princesas plus size.

A petição criada no site Change.org já possui mais de 28 mil assinaturas e tem o objetivo de representar as mulheres gordinhas na ficção a fim de que as meninas se sintam representadas.

E foi ao conhecer o projeto de Jewel que o designer Eduardo Santos, conhecido como Edull, decidiu ilustrar como ficariam as princesas se tivessem mais curvas e alguns quilinhos extras.

Para Edull, a Disney, por ter seu trabalho completamente voltado para o comercial, acaba mostrando para as pessoas apenas o que elas querem ver e o que elas aceitam, mesmo que essa não seja a realidade.

Confira na galeria acima como ficariam as princesas na versão pluz size e encante-se!
Fonte original (Aqui): 
http://www.boainformacao.com.br/2014/02/nova-campanha-pede-que-a-disney-crie-princesas-plus-size/

segunda-feira, fevereiro 24, 2014

Mercado de roupas para gordinhas atrai grandes marcas e sofisticação

Entre as marcas que estão de olho no segmento, está a Malwee, que tem a coleção "Grandes Abraços" e irá lançar uma marca própria para o segmento plus size em junho; a Duloren, primeira marca de lingerie a apostar em tamanhos grandes, e que foi seguida pela Valfrance, com o logo "Gostosa demais para usar 38". Hoje, os tamanhos grandes correspondem a 50% do faturamento da Duloren. 

Grandes lojas de departamento, como C&A e Renner, já oferecem coleções plus size.

E mais...

Empreendedores usam comércio eletrônico...

Mercado ainda engatinha diante de custos...

Padronização pode incentivar mercado...

Leia matéria completa AQUI

Fonte: Economia IG
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...